Vídeos 360°: impacto da tecnologia na aprendizagem de Pedagogia

16 julho, 2019

Os vídeos 360° presentes nas Unidades de Aprendizagem foram tema de uma série de matérias aqui no blog da Sagah. Com uma estratégia de trazer cada vez mais tecnologia na aprendizagem, já vimos aqui o uso na área de Engenharia. Os vídeos imersivos trazem maior conhecimento prático para os estudantes, facilitando sua experiência.

Agora, trazemos uma visão de profissionais da área da Educação para comentar os impactos dos vídeos 360°. Veja qual é a visão mais sistemática do processo de criação desses materiais e o impacto deles na área da Pedagogia.

Relato de docentes da área sobre tecnologia na aprendizagem

Para Márcia Paul Waquil, coordenadora da área de Educação na Sagah, os vídeos 360°, primeiramente, são materiais dinâmicos e atraentes que fazem relação direta com a prática da Pedagogia. Essa relação é fundamental como consequência para o processo de ensino-aprendizagem. Além de proporcionar ao aluno experiências diferentes a partir da tecnologia na aprendizagem. “Ao assistir ao vídeo mais de uma vez, o aluno tem a possibilidade de observar pontos que passaram despercebidos em um primeiro momento. Isso facilita sua compreensão e aprendizagem”, comenta.

Muitas vezes, a imagem do vídeo pode impactar mais o aluno do que todos os textos que ele leu na Unidade de Aprendizagem. Isso pode fazer com que ele se interesse em reler os textos, agora com outro olhar e interesse. Além disso, o vídeo é um meio de comunicação contemporâneo. Ele faz parte do dia a dia dos alunos e, o mais importante, integra várias linguagens. Para o aluno que está estudando a distância, inegavelmente o vídeo é um excelente recurso para esclarecer conteúdos de difícil entendimento.

Colaboração ativa de professores da área na produção dos vídeos

Nos vídeos 360° produzidos pela Sagah para as disciplinas de Pedagogia, a revisora técnica Joelma Guimarães participou do planejamento dos roteiros. Ainda, a profissional também acompanhou a equipe de filmagem no dia da gravação. Joelma afirma que com a utilização dos vídeos 360° será possível atingir grandes avanços na qualidade da apresentação dos conteúdos. “Trata-se de uma tecnologia na aprendizagem inovadora que se destaca como importante instrumento de ensino e aprendizagem”, conclui a professora.

Produção dos materiais focados em tecnologia na aprendizagem

A coordenadora Márcia Paul Waquil e a revisora Joelma Guimarães elaboraram juntas os roteiros. Ao mesmo tempo, elas definiram os ambientes que deveriam ser explorados na produção do material. O papel de Joelma nesse processo foi, primordialmente, indicar o local e acompanhar as gravações.

A ideia da aula imersiva voltada para a Pedagogia foi mostrar o cotidiano numa escola de Educação Infantil. Contemplando a chegada das crianças, suas interações, experiências e vivências durante o dia a dia na escola. “Foi minha primeira experiência de produção de conteúdo com vídeos 360°. No entanto percebi o quanto podemos qualificar a apresentação de nosso trabalho ao utilizar esse tipo de recurso. Ele permite ao aluno ter uma melhor visibilidade sobre o material apresentado”, analisa Márcia.

Etapas de produção

Por fim, para a produção do vídeo, a equipe Sagah é responsável por acompanhar e gerenciar todas as etapas. Elas vão desde o planejamento até a produção do roteiro. Posteriormente, a gravação é feita por uma produtora parceira. Adriana Cardoso, designer instrucional da Sagah, conta que se reuniu com o docente especialista da área para a qual seria feito o vídeo.

Em seguida, esse profissional realizou uma pesquisa em nosso catálogo. Assim, foram determinadas quais as disciplinas que teriam acréscimo didático com o uso do vídeo. “A partir dessa análise, pensamos na locação necessária para captar as imagens. Como qual o tipo de escola, como deveriam ser as instalações dessa instituição, turma a ser mostrada, entre outros aspectos. Depois das imagens captadas, um professor conteudista analisou as cenas e criou um roteiro a partir delas. Em síntese, o intuito foi mostrar quais os elementos presentes na imagem que continham potencial pedagógico”, explica Adriana.

Leia também:

Vídeos 360°: a importância da tecnologia no ensino EAD


Compartilhar

RELACIONADOS